martes, 17 de abril de 2007

Con ustedes: Ronaldo Braga

EM MEU CORAÇÃO
Ronaldo Braga
inédito

Em meu coração
sangue,
em meu coração
luas bebadas tropeçam
e cactos loucos em fugas
cantam jardins distantes.

Em meu coração,
a flor
chora em pedaços
e lagrimas pretas
desfloram virgens.

Em meu coração teima
a escuridão
dos olhos teus
e
o amor arde
em eternas labaredas.




EN MI CORAZÓN
Ronaldo Braga
inédito
traducido al español por Graciela Malagrida
© Ronaldo Braga

En mi corazón
sangre,
en mi corazón
lunas borrachas tropiezan
y cactus locos en fugas
cantan en jardines distantes.

En mi corazón,
la flor
llora en pedazos
y lágrimas negras
desfloran vírgenes.

En mi corazón habita
la oscuridad
de tus ojos
y
el amor arde
en eternas lenguas de fuego.




Más de Ronaldo en Bragas e Poesía

2 comentarios:

  1. é uma felicidade imensa essa que eu sinto agora, lendo o m,eu poema em outro idioma de novo, pois ele foi traduzido para o frances e agora você o traduz para o espenhol.
    Graciela, esse poema eu fiz para uma paixão antiga minha que é bailarina argentina e se chama Ruth Guelma, agora ele é tambem coreográfa, você a conhece.Ruth Guelman eu fiz para ele que eu a namorei em 1980 e naquele tempo muito jovem não sabia que esse amoe era muito forte assim, o poema eu escrevi este ano 2007.
    beijos

    ResponderEliminar
  2. No Ronaldo, no la conozco pero conozco el sentimiento.
    El poema es sublime. Eso basta.

    ResponderEliminar

gracias x el comentario! no dejes de orbitarme!